Cada pet merece seu espaço especial

Companhia, desenvolvimento psico-social e, claro, diversão: ter um pet em casa traz inúmeros benefícios para a família. A gente entende isso e garante um espaço todo especial pra eles em nossos projetos arquitetônicos.

Psicólogos defendem que crianças que se relacionam com animais de estimação desenvolvem mais rápido noções de companheirismo e responsabilidade. Biólogos garantem que o relacionamento direto também tem impacto positivo na saúde, fortalecendo o sistema imunológico.

Na arquitetura, essa relação se fortalece em materiais com durabilidade extra para garantir resistência contra garras e presas afiadas. Lâminas tecnológicas, tecidos orgânicos com tramas rústicas e peças que estimulam a interação configuram labirintos, recantos de descanso e estímulo visual e tátil para pets de todos os tipos.

A mobília segue as mesmas premissas: o sofá também é do cãozinho. O gato se esbalda passeando pela estante e pelo aparador. E assim, detalhes tão sinceros no relacionamento de cada morador se traduzem em recursos arquitetônicos que reforçam a união entre cada miado e lambida.